Traduções e outros serviços em Finlandês

Traduções e outros serviços em Finlandês

O nosso escritório disponibiliza traduções profissionais e outros serviços linguísticos de e para Finlandês

Traduções técnicas, traduções certificadas, interpretação, voice-overs, revisões/correcções: o nosso escritório é uma agência que presta um serviço linguístico completo e para todo o mundo, realizado por tradutores competentes e profissionais que traduzem apenas para a sua língua materna. A nossa rede, com mais de 80 agências em toda a Europa, esforça-se por assegurar um serviço de valor acrescentado. 

 

Prestamos serviço em diversas combinações linguísticas:

  • Português ⇔ Finlandês
  • Inglês ⇔ Finlandês
  • Espanhol ⇔ Finlandês
  • Francês ⇔ Finlandês
  • Alemão ⇔ Finlandês
  • Italiano ⇔ Finlandês
  • e outras

Os serviços que o nosso escritório presta em Finlandês:

As nossas agências:

Poderá pedir um orçamento gratuito e sem compromisso através da nossa encomenda online ou por e-mail.

 

Informações úteis sobre a língua finlandesa

A língua finlandesa está estreitamente relacionada com o estónio e é a segunda língua oficial da Finlândia, a par do sueco. Na Suécia, o finlandês é reconhecido como uma língua minoritária e é falado por cerca de 300.000 pessoas. Existem também pequenas minorias de língua finlandesa na Estónia e na parte russa da Carélia, bem como alguns falantes nativos de finlandês em Finamarca, no norte da Noruega.

O finlandês é uma das línguas fino-úgricas e caracteriza-se principalmente pela ausência de género gramatical e pelo baixo número de consoantes entre os seus fonemas. Outras características especiais do finlandês incluem a estrutura linguística aglutinativa e 15 casos.

Uma consciência nacional finlandesa em todas as classes sociais e, portanto, um sentido da sua própria língua, só surgiu em 1809 no Grão-Ducado sob os czares russos, porque antes disso o sueco era a língua dominante na Finlândia. Nessa altura, o finlandês evoluiu lentamente para uma língua cultural e, 20 anos mais tarde, a classe alta educada trabalhou intensamente no desenvolvimento da Finlândia, passando de uma língua camponesa para uma língua cultural. A partir de meados do século XIX, começaram a falar finlandês cada vez mais também no sistema escolar e, na viragem do século, tinha-se desenvolvido um segmento da população que falava finlandês. Cinquenta anos mais tarde, a evolução do finlandês para uma língua cultural de pleno direito, tal como é falada hoje em dia, foi completada.